Frases de José Saramago

Immagine di José Saramago
Identikit e dados pessoais
Nome
José
Sobrenome
Saramago
Nascido
16 Novembro 1922 em Azinhaga
Falecido
18 Junho 2010 em Tias, Lanzarote
Gênero
masculino
Nacionalidade
Portuguesa
Profissão
poeta, escritor, crítico literário
Prêmios
prémio Nobel de literatura de 1998
Signo do zodíaco
Escorpião
Frases, citações e aforismos de José Saramago
297 em português
Todas as frases de José Saramago
  • “Brasil não tem partido de direita, de esquerda, de nada, tem um bando de salafrários que se reúnem pra roubar juntos.”
    José Saramago
  • “A globalização é um totalitarismo. Totalitarismo que não precisa nem de camisas verdes, nem castanhas, nem suásticas. São os ricos que governam e os pobres vivem como podem.”
    José Saramago
  • “O mundo seria muito mais pacífico se todos fôssemos ateus.”
    José Saramago
  • “Há uma pergunta que me parece dever ser formulada e para a qual não creio que haja resposta: que motivo teria Deus para fazer o universo? Só para que num planeta pequeníssimo de uma galáxia pudesse ter nascido um animal determinado que iria ter um processo evolutivo que chegou a isto?”
    José Saramago
  • “O problema não é um Deus que não existe, mas a religião que O proclama!”
    José Saramago
    [Tags:deus, , igreja, religião]
  • “A nossa outra especialidade, além da balística, tem sido neutralizar, pela fé, o espírito curioso.”
    José Saramago
  • “Só num mundo de cegos as coisas serão como verdadeiramente o são.”
    José Saramago
    [Tags:realidade]
  • “Momentos de fraqueza na vida qualquer um os poderá ter e, se hoje passamos sem eles, tenhamo-los por certos amanhã.”
    José Saramago
    [Tags:fraqueza]
  • “Se toda a política precisa de uma economia, a economia determina uma política; é isso que está a acontecer (com a globalização).”
    José Saramago
  • “Sinto que o que me acontece deve ter um significado, um sentido qualquer, sinto que não devo parar a meio do caminho sem descobrir do que se trata.”
    José Saramago
  • “O egoísmo pessoal, o comodismo, a falta de generosidade, as pequenas cobardias do quotidiano, tudo isto contribui para essa perniciosa forma de cegueira mental que consiste em estar no mundo e não ver o mundo, ou só ver dele o que, em cada momento, for susceptível de servir os nossos interesses.”
    José Saramago
  • “O mal não é ter uma ilusão, o mal é iludir-se.”
    José Saramago
  • “Cada um de nós tem a sua própria morte, transporta-a consigo num lugar secreto desde que nasceu, ela pertence-te, tu pertence-lhe.”
    José Saramago
    [Tags:destino, morte]
  • “Há uma tendência autoritária em muitos países. Nada restou dos ideais. A esquerda sofre uma espécie de tentação maligna que é a fragmentação. Não vejo nada mais estúpido do que a esquerda. Uns enfrentam os outros, por grupos, por partidos, por opções.”
    José Saramago
  • “Nós estamos a assistir ao que eu chamaria a morte do cidadão e, no seu lugar, o que temos e, cada vez mais, é o cliente. Agora já ninguém nos pergunta o que é que pensamos, agora perguntam-nos qual a marca do carro, de fato, de gravata que temos, quanto ganhamos.”
    José Saramago
  • “O Bem e o Mal não existem em si mesmos, cada um é somente a ausência do outro.”
    José Saramago
    [Tags:bem, mal]
  • “Dirão, em som, as coisas que, calados, no silêncio dos olhos confessamos.”
    José Saramago
  • “Os políticos são a mentira, legitimada pela vontade do povo!”
    José Saramago
  • “O que dá o verdadeiro sentido ao encontro é a busca, e é preciso andar muito para se alcançar o que está perto.”
    José Saramago
  • “As religiões, todas elas, por mais voltas que lhes dermos, não têm outra justificação para existir que não seja a morte, precisam dela como do pão para a boca.”
    José Saramago
    [Tags:morte, religiões]
  • “Damos voltas e voltas, mas, na realidade, só há duas coisas: ou escolhes a vida ou afastas-te dela.”
    José Saramago
  • “Não é a pornografia que é obscena, é a fome que é obscena.”
    José Saramago
  • “Se queres ser cego, sê-lo-ás.”
    José Saramago
  • “A propósito, não resistiremos a recordar que a morte, por si mesma, sozinha, sem qualquer ajuda externa, sempre matou muito menos que o homem.”
    José Saramago
  • “Aprendi a não tentar convencer ninguém. O trabalho de convencer é uma falta de respeito, é uma tentativa de colonização do outro.”
    José Saramago
  • “O universo não tem notícia da nossa existência.”
    José Saramago
  • “É assim a vida, vai dando com uma mão até o dia em que tira tudo com a outra.”
    José Saramago
    [Tags:existência]
  • “Há que ter o máximo de cuidado com aquilo que se julga saber, porque por detrás se encontra escondida uma cadeia interminável de incógnitas, a última das quais, provavelmente, não terá solução.”
    José Saramago
  • “Sempre chega a hora em que descobrimos que sabíamos muito mais do que antes julgávamos.”
    José Saramago
    [Tags:sabedoria]
  • “A ausência é também uma morte, a única e importante diferença é a esperança.”
    José Saramago
  • “Se antes de cada ato nosso nos puséssemos a prever todas as conseqüências dele, a pensar nelas a sério, primeiro as imediatas, depois as prováveis, depois as possíveis, depois as imagináveis, não chegaríamos sequer a mover-nos de onde o primeiro pensamento nos tivesse feito parar. Os bons e os maus resultados dos nosso ditos e obras vão-se...” (continue)(continue lendo)
    José Saramago
  • “Escrevemos porque não queremos morrer. É esta a razão profunda do acto de escrever.”
    José Saramago
  • “A alegria e a tristeza podem andar unidas, não são como a água e o azeite.”
    José Saramago
    [Tags:alegria, tristeza]
  • “O senhor ainda sente necessidades de ajustar contas com Deus, mesmo acreditando que ele só existe na cabeça das pessoas?”
    José Saramago
    [Tags:ateísmo, deus]
  • “Eu sou um comunista hormonal, meu corpo contém hormônios que fazem crescer minha barba e outros que me tornam um comunista. Mudar, para quê? Eu ficaria envergonhado, eu não quero me tornar outra pessoa.”
    José Saramago
  • “Não se pode exigir a toda a gente que seja sensata, por isso o mundo está como está.”
    José Saramago
    [Tags:inteligência]
  • “Seria tudo mais fácil de entender se confessássemos, simplesmente, o nosso infinito medo, esse que nos leva a povoar o mundo de imagens à semelhança do que somos ou julgamos ser, salvo se tão obsessivo esforço é, pelo contrário, uma invenção da coragem, ou a mera teimosia de quem se recusa a não estar onde o vazio estiver, a não dar sentido ao...” (continue)(continue lendo)
    José Saramago
  • “Talvez os homens nasçam com a verdade dentro de si e só não a digam porque não acreditam que ela seja verdade.”
    José Saramago
    [Tags:verdade]
  • “Gostar é provavelmente a melhor maneira de ter, ter deve ser a pior maneira de gostar.”
    José Saramago
  • “O que as vitórias têm de mau é que não são definitivas. O que as derrotas têm de bom é que também não são definitivas.”
    José Saramago
  • “Para temperamentos nostálgicos, em geral quebradiços, pouco flexíveis, viver sozinho é um duríssimo castigo.”
    José Saramago
  • “Fisicamente, habitamos um espaço, mas, sentimentalmente, somos habitados por uma memória.”
    José Saramago
  • “As palavras proferidas pelo coração não tem língua que as articule, retém-nas um nó na garganta e só nos olhos é que se podem ler.”
    José Saramago
  • “O costume de cair endurece o corpo, ter chegado ao chão, só por si, já é um alívio.”
    José Saramago
  • “A vida, esta vida que inapelavelmente, pétala a pétala, vai desfolhando o tempo, parece, nestes meus dias, ter parado no bem-me-quer.”
    José Saramago
    [Tags:envelhecer, tempo, vida]
  • “Tentei não fazer nada na vida que envergonhasse a criança que fui.”
    José Saramago
  • “O caos é uma ordem por decifrar.”
    José Saramago
    [Tags:caos, mistério, ordem]
  • “Quero estar onde minha sombra estiver, se lá é que estiverem os teus olhos.”
    José Saramago
  • “A vida é uma aprendizagem diária. Afasto-me do caos e sigo um simples pensamento: Quanto mais simples, melhor!”
    José Saramago
  • “Nossa maior tragédia é não saber o que fazer com a vida.”
    José Saramago
Em destaque