O Capitão Saiu Para O Almoço E Os Marinheiros Tomaram Conta Do Navio

Livro O Capitão Saiu Para O Almoço E Os Marinheiros Tomaram Conta Do Navio
Título: O Capitão Saiu Para O Almoço E Os Marinheiros Tomaram Conta Do Navio
Título original: The Captain Is Out to Lunch and the Sailors Have Taken Over the Ship
Autor:Charles Bukowski
Ano de lançamento: 1998
Outros livros do autor
  • “Não sei quanto às outras pessoas, mas quando me abaixo para colocar os sapatos de manhã, penso, Deus Todo-Poderoso, o que mais agora?”
    Charles Bukowski
  • “Raramente encontro uma pessoa rara ou interessante. É mais que perturbador, é um choque constante.”
    Charles Bukowski
  • “Não sou boa companhia, não gosto de conversar. Não quero trocar ideias – ou almas. Sou apenas um bloco de pedra para mim mesmo. Quero ficar dentro do bloco, sem ser perturbado.”
    Charles Bukowski
  • “Somos finos como papel. Existimos por acaso entre as porcentagens, temporariamente. E esta é a melhor e a pior parte, o fator temporal. E não há nada que se possa fazer sobre isso. Você pode sentar no topo de uma montanha e meditar por décadas e nada vai mudar. Você pode mudar a si mesmo para ser aceitável, mas talvez isso também esteja errado....” (continue)(continue lendo)
    Charles Bukowski
  • “Gosto de olhar os meus gatos, eles me acalmam. Eles me fazem sentir bem. Você sabia que os gatos dormem 20 das 24 horas do dia? Não se admira que tenham melhor aparência do que eu. Na minha próxima vida, quero ser um gato. Dormir 20 horas por dia e esperar ser alimentado. Sentar por aí lambendo meu cu. Os humanos são desgraçados demais, irados...” (continue)(continue lendo)
    Charles Bukowski
    [Tags:gatos, ser humano]
  • “Somos doentes, o peixe-piolho da esperança. Nossas roupas pobres, nossos carros velhos. Nos vemos em direção à miragem, nossas vidas são desperdiçadas, como as de todo mundo.”
    Charles Bukowski
  • “A raça humana exagera tudo: seus heróis, seus inimigos, sua importância.”
    Charles Bukowski
  • “Todos nós vamos morrer, que circo! Só isso deveria fazer com que amássemos uns aos outros, mas não faz. Somos aterrorizados e esmagados pelas trivialidades, somos devorados por nada.”
    Charles Bukowski
    [Tags:destino, medo, morrer]
  • “Não me coloque em uma sala cheia de humanos. Nunca faça isso comigo. Especialmente numa festa.”
    Charles Bukowski
  • “Sou apenas um bloco de pedra para mim mesmo. Quero ficar dentro desse bloco, sem ser perturbado. Foi assim desde o começo. Resisti a meus pais, resisti à escola e depois resisti a tornar-me um cidadão decente. O que quer que eu fosse, fui desde o começo. Não queria que ninguém mexesse com isso. E ainda não quero.”
    Charles Bukowski
  • “Às vezes, não há nenhum aviso. As coisas acontecem em segundos. Tudo muda. Você está vivo. Você está morto. E as coisas continuam.”
    Charles Bukowski
  • “Se um homem quer realmente escrever, ele o fará. A rejeição e o ridículo apenas lhe darão mais força. E quando mais for reprimido, mais forte ele se torna, como uma massa de água forçando um dique.”
    Charles Bukowski
    [Tags:escrever]
  • “Esta é uma daquelas noites em que não há nada. Imagine se fosse sempre assim. Vazio. Apático. Sem luz. Sem dança. Nem mesmo insatisfação.”
    Charles Bukowski
  • “Toda a minha vida tem sido uma questão de lutar por uma simples hora para fazer o que eu quero fazer. Tem sempre alguma coisa atrapalhando a minha chegada a mim mesmo.”
    Charles Bukowski
  • “A maioria das pessoas não está pronta para a morte, a sua ou a dos outros. Ela as choca, as apavora. É como uma grade surpresa. Diabos, não deveria ser nunca.”
    Charles Bukowski
    [Tags:medo, morte]
  • Levo a morte em meu bolso esquerdo. Às vezes, tiro-a do bolso e falo com ela: “Oi, gata, como vai? Quando virá me buscar? Vou estar pronto.
    Charles Bukowski
    [Tags:morte]
Em destaque