Frase de Jostein Gaarder Frases de Jostein Gaarder
  • A insensatez do mundo não tem mais limites nem fronteiras. Penso nessa arrogante insensatez dos sabichões, uma espécie de miopia do engenho, tão maravilhosamente subdesenvolvida entre aborígines, maores e melanésios, antes de eles se transformarem em apêndices do homem branco. Penso na insensatez da cobiça e do lucro. Hoje em dia se empregam eufemismos como "globalização" e "acordos comerciais". Isso implica que a comida já não se define como alimento, e sim como mercadoria. Onde outrora as pessoas podiam comer o que colhiam em seus campos, hoje se cultivam cada vez mais produtos inúteis, a que somente os países mais ricos do mundo podem ter acesso. Não vivemos mais da natureza. Foi-se o tempo dos paraísos.
    Jostein Gaarder
Detalhes da frase livro (Maya)

20/11/2016 às 00:01
Avaliação média Vote aqui Curiosidades 35
716
Avaliação média Vote aqui
Comentários sobre a frase
Frases relacionadas
Em destaque